Relatos de uma Viajante no Canadá. Oui, nós temos informação | Dica de Viagem

Relatos de uma Viajante no Canadá. Oui, nós temos informação

Por Vinicius Couto [Google+] | 30 de janeiro de 2014 | 1 Comment

Por Joyce Lins /

Conhecimento. Essa palavrinha que pode mover montanhas já está bem consolidada em Montréal. Enquanto no Brasil nós lutamos para que a população tenha acesso a uma educação pública de qualidade, por aqui as escolas públicas possuem um alto padrão de qualidade, tanto no ensino quanto em suas estruturas.

Tive o prazer de visitar uma escola pública onde um amigo é professor de educação física e fiquei impressionada com a diversidade de equipamentos para diferentes tipos de esportes (bola de basquete, futebol, handball, hockey, baleado, vôlei, etc), muitas quadras esportivas, armários que não acabavam mais, academia e até salas para aula de música!

leitura no metroNas ruas, o que mais se vê é alguém segurando um livro e lendo-o, seja numa fila do café, no ônibus ou até no vagão do metrô. Às vezes, está todo mundo em pé, mas a pessoa está ali com uma mão para se segurar e a outra agarrada num livro. Acho isso muito legal. E pensar que em Salvador o que mas via era alguém segurando um celular com música no maior volume…

E as bibliotecas? Nossa! Logo quando mudei para o apartamento onde moro hoje não tinha internet em casa, então me cadastrei na recém-inaugurada Marc Favreau e tive direito a usar a internet wi-fi no local (uma galera leva o computador e vai estudar ou fazer trabalhos por lá), pegar livros, revistas e até filmes emprestados! Tudo de graça, viu? Só na cidade de Montréal existem cerca de 43 bibliotecas públicas municipais distribuídas em diversos bairros. Ou seja, só não lê/estuda quem não quer, né?

Bibliotheque Marc Favreau

Mas se você for ainda mais exigente, pode se cadastrar na Grande Bibliothèque, esta faz parte da rede estadual (do Québec) e reúne mais de 4 milhões de documentos, sendo 1 milhão de livros. Imaginem! Fora que a arquitetura do lugar é impressionante, linda demais.

Grande Bibliotheque

Grande Bibliotheque

Mas, se depois disso tudo, você me diz que tem uma vida muito corrida e atarefada e não tem tempo para ir nas bibliotecas (que funcionam também nos finais de semana), eu lhe dou uma dica: em todas as estações de metrô são distribuídos diariamente dois grandes jornais. Ah, e são gratuitos. Isso mesmo! Dá pra acreditar? Basta escolher entre o Métro e o 24h. Que chato, né? hehehe

Espero que essa riqueza de conteúdo sirva de inspiração para que países como o Brasil invistam mais no acesso à informação e também como inspiração para que a gente leia mais! Até a próxima, mes amis!

Joyce Lins

Publicitária e analista de marketing, aos 31 anos pediu demissão de um trabalho estável e produtivo, vendeu o carro que tinha, despediu-se da família e dos amigos e deixou a vida tranquila de Salvador/BA com o marido para construir uma nova vida no Canadá. Hoje, tenta se adaptar ao clima, costumes e qualidade de vida do Canadá.

Twitter: @joylins
E-mail: joycelins@hotmail.com
Site: www.omundodejoy.tumblr.com

Deixe a sua opinião, comente abaixo e compartilhe esse post com seus amigos.

Relatos de uma Viajante no Canadá. Oui, nós temos informação
1 vote, 5.00 avg. rating (98% score)

Category: AMÉRICA DO NORTE, CANADÁ, DESTINOS

Comments (1)

Trackback URL | Comments RSS Feed

  1. Maisa disse:

    Adorei, amiga! Espero também que por aqui as coisas mudem e que todo mundo leia mais. Adorei!! Beijão!

Leave a Reply

Banner 728x90
banner ad